Never doubt!

“Never doubt that a small group of thoughtful, committed citizens can change the world. Indeed, it is the only thing that ever has.” by Margaret Mead

Advertisements

And since we are kissing 2011 goodbye..

I guess it’s important to recognize 2011 was also a roller-coaster of events.. good and bad ones.. that left no doubt we are living in a world of contradiction and change… boiling in hot water that will push for transformation.. and that is already shaping our future!

We reached 7 billion residents in our lovely planet earth!!

And yes, we do have the knowledge, and technology to ensure we produce more and better food… and although there is already enough for all… we still have a billion people that go to bed hungry..

We saw inspiring movements of people from around and in all corners the world uniting to claim their freedom and fight for more and better opportunities.. but we also watch the appalling violent responses from “our leaders”.. that decided to quiet people’s voices with violence and fear.

We witness the pain of millions of people, from the conflict in Libya, to the nuclear disaster in Japan and famine at the Horn of Africa.. but we saw an incredible movement of solidarity among people who found innovative ways to help, and worked really hard to alleviate their suffering.

The United Nations was there too.. and well, UN Secretary-General Ban Ki-moon has being quite active and vocal on many of those issues… and yes, the UN is changing.. (still needs to change more, of course) but with little steps, such as the recognition of the State of Palestine in UNESCO, you can be sure that change is on its way…

The UN made a little summery of their year.. which I guess is very worth watching:

2011 was definitely a year of changes.. and transformation… and I’m sure 2012 will ever more of a game-change!

Watch this space!

(if you would like a link to the script of the video in pdf, click bellow: http://www.un.org/webcast/pdfs/yir2011.pdf)

The International Day of Universal Human Rights! – How to celebrate!?

[EN] Today (10th of December) is the International Day of Universal Human Rights! A day which was created to celebrate our global community, our common rights regardless of where you were born. Above all, today is a day that was meant to celebrate our diversity, because we would rest assure that regardless of our differences we are all have fundamental rights that should be protected and respected.

Unfortunately that has not being the case yet…

Unfortunately very little people are aware of the The Universal Human Rights Declaration, and the rights agreed upon. Very little people realize, those rights were meant to be about themselves. They fail to realize the Declaration is talking about their rights.

And because of that, on a daily basis, we see or hear about upsetting violations of a series of those rights.. what are we waiting to challenge that?!

If no one takes action, the Universal Human Rights Declaration is nothing but a bunch of words in a paper… we, the people of the world are the ones to make the Declaration a living document, reflected in the way we live our daily lives.

Lets celebrate today’s International Day of Universal Human Rights by educating ourselves more! Learning where the declaration came from, and what are those universal rights we are all beneficiaries of.

Lets not take those rights for granted… and lets no longer accept that those rights are ignored or disrespected… it’s time for us to celebrate our International Day of Universal Human Rights making our commitments matter.

Happy International Day of Universal Human Rights!

————————————————————————————————————————-

[PT] Hoje (10 de Dezembro) é o Dia Internacional dos Direitos Humanos Universais! Um dia criado para celebrar essa nossa comunidade global, os direitos que compartilhamos independentemente de onde nascemos. Acima de tudo, hoje é um dia que era para celebrar a nossa diversidade, porque deveríamos ter a certeza que independentemente das nossas diferenças todos têm seus direitos fundamentais que devem ser protegidos e respeitados.

Infelizmente isso ainda não é o caso…

Infelizmente, pouquíssimas pessoas conhecem a Declaração Universal dos Direitos Humanos, e os direitos nela presentes. Ainda menos gente entende que esses direitos deveriam ser sobre nós mesmos. A Declaração está falando sobre cada um de nós e nossos direitos.

E talvés, justamente porque ninguém conhece essa tal Declaração, nós presenciamos ou ouvimos diariamente uma série de histórias onde vários destes direitos são violados… o que estamos esperando pra mudar!?

Se ninguém parte para a ação, a Declaração Universal dos Direitos Humanos nada mais é que um monte de palavras em um papel … nós, os pessoas deste mundo também somos responsáveis por fazer a Declaração um documento vivo, que seja refletido na forma como vivemos nossas vidas diariamente.

Vamos celebrar hoje o Dia Internacional dos Direitos Humanos Universais nos educando mais sobre o assunto! Aprendendo de onde veio esta declaração e quais são os direitos universais que temos direito.

[veja o vídeo acima!]

Chega de achar que esses direitos caíram do céu… e basta também de permitir que estes direitos sejam ignorados… é hora de comemorar o nosso Dia Internacional dos Direitos Humanos Universais tirando essas palavras do papel!

Feliz Dia Internacional dos Direitos Humanos Universais!

Game Camp – Mudar o mundo brincando!


Começa hoje o Game Camp aqui em São Paulo!

Estou correndo lá para me juntar à outros 150 malucos do Brasil e do mundo e pelos próximos 3 dias estaremos trabalhando juntos para desenvolver/sonhar o jogo que vai levantar a humanidade para salvar o mundo brincando!!!

Coisas boas estão por vir!!!

Diálogos sobre o Sonho Brasileiro discute cultura, economia e educação

Itaú Cultural convida você para o Diálogos sobre o Sonho Brasileiro, um ciclo de debates sobre perspectivas de inovação nos campos da cultura, da economia e da educação.

O evento ocorre nos dias 15 e 16 de agosto, na nossa sede, em São Paulo, com transmissão on-line pela fanpage do Itaú no Facebook, que estará disponível no dia do evento. No no site do Itaú Cultural, será informado o endereço.

Sonho Brasileiro é parte de um mapeamento dos sonhos, ideais e expectativas dos jovens brasileiros. Participam das discussões personalidades de várias áreas do conhecimento, assim como jovens inovadores mapeados.

Além deles, estarão presentes representantes da agência Box1824, responsável pela pesquisa. A mediação será de Luiz Algarra. Saiba mais sobre os participantes no nosso site.
Diálogos sobre o Sonho Brasileiro
segunda 15 e terça 16 de agosto

entrada franca [ingressos distribuídos meia hora antes de cada mesa]

Acesse a programação detalhada no site
Conheça a pesquisa Sonho Brasileiro
Participe da fanpage do projeto no Facebook

Itaú Cultural | Avenida Paulista 149 – Paraíso [próximo à Estação Brigadeiro do Metrô]

informações: 11 21681777 ou www.itaucultural.org.br

*imagem: Renan Magalhães

The power of a good idea!

If you know me well, you probably already heard me speaking super passionately about Jonah Wittkamper who is a legend in the international youth movement and is without any question of the people who most influenced me in what I do today.

He started with the Global Youth Action Network, who most of you may know, and he have inspired and empowered a bunch of us youth leaders out there right now, who are changing the world acting in different fronts, movements, causes.

And not satisfied about all the incredible impact he already had in the world, for 10 years he has been working to make his big idea come true and alive. And I’m currently in NYC, having the incredible privilege of being part of this dream coming true.

I’m currently at  The Nexus: Global Youth Summit on Innovative Philanthropy and Social Entrepreneurship, and I need to say it’s being one of the most rewarding experiences for me. A bunch of incredible people from completely different worlds, getting together to seek ways we can truly related in deeper levels, trying to collaborate in more meaningful and innovative ways.

I highly recommend you to check out the website of the event: http://nexusyouthsummit.com/ And to try to catch up a bit of this incredible atmosphere through twitter following the hashtag:  #nexussummit

 

I am very excited also that after lunch I will be joining Adam Braun (from Pencils of Promise), Sophia Bush (Actress and Philanthropist) and Yael Cohen (from Fuck Cancer) on a panel to discuss Youth Movements: Transformational Change.

I’m looking forward to the incredible things that will come out of this blast!

What does Compassion really mean to you!?

A Charter of Compassion was created as part of an incredible collaborative process which you can find out more  clicking here! It’s a call for all humans to wake up, and bring Compassion back to the centre of our lives.

AFFIRM the Charter today: http://charterforcompassion.org and help spreading it among your networks!

[PT] A Carta para Compaixão foi criada atraves de um incrível processo participativo que voce pode conhecer clicando aqui (filme em Ingles). A Carta é um chamado para que os seres humanos possam acordar para a necessidade de trazer a Compaixão de volta para o centro de nossas vidas.

Carta para Compaixão:

O princípio da compaixão é o cerne de todas as tradições religiosas, éticas e espirituais, nos conclamando sempre a tratar todos os outros da mesma maneira como gostaríamos de ser tratados. A compaixão nos impele a trabalhar incessantemente com o intuito

de aliviarmos o sofrimento do nosso próximo, o que inclui todas as criaturas, de nos destronarmos do centro do nosso mundo e, no lugar, colocar os outros, e de honrarmos a santidade inviolável de todo ser humano, tratando todas as pessoas, sem exceção, com absoluta justiça, eqüidade e respeito.

É necessário também, tanto na vida pública como na vida privada, nos abstermos, de forma consistente e empática, de infligir dor. Agir ou falar de maneira violenta devido a maldade, chauvinismo ou interesse próprio a fim de depauperar, explorar ou negar direitos básicos a alguém e incitar o ódio ao denegrir os outros – mesmo os nossos inimigos – é uma negação da nossa humanidade em comum. Reconhecemos que falhamos na tentativa de viver de forma compassiva e que alguns de nós até mesmo aumentaram a soma da miséria humana em nome da religião.

Portanto, conclamamos todos os homens e mulheres ~ a restaurar a compaixão ao centro da moralidade e da religião ~ a retornar ao antigo princípio de que é ilegítima qualquer interpretação das escrituras que gere ódio, violência ou desprezo ~ garantir que os jovens recebam informações exatas e respeitosas a respeito de outras tradições, religiões e culturas ~ incentivar uma apreciação positiva da diversidade religiosa e cultural – cultivar uma empatia bem-informada pelo sofrimento de todos os seres humanos – mesmo daqueles considerados inimigos.

É urgente que façamos da compaixão uma força clara, luminosa e dinâmica no nosso mundo polarizado. Com raízes em uma determinação de princípios de transcender o egoísmo, a compaixão pode quebrar barreiras políticas, dogmáticas, ideológicas e religiosas. Nascida da nossa profunda interdependência, a compaixão é essencial para os relacionamentos humanos e para uma humanidade realizada. É o caminho para a iluminação e é indispensável para a criação de uma economia justa e de uma comunidade global pacífica.

Para saber mais, e assinar a Carta, acesse: http://charterforcompassion.org

Nos ajude a promover esta bandeira!

 Video Produced by: Captain & The Fox (captainandthefox.com) in partnership with WORKSHOP (workshoplovesyou.com). 

Video Music Composed by: Naturalistic (naturalistic.net)